Notícia

Juiz defere candidatura do prefeito Willian Lobo e coloca fim a boatos de inelegibilidade

O Juiz da 79ª Zona Eleitoral, Felipe Teixeira Cancela Júnior, deferiu o pedido de candidatura do prefeito Willian Lobo de Almeida para o pleito deste ano.
Na sentença o juiz ressalta que foram preenchidas todas as condições legais para o registro pleiteado e não houve impugnação por parte de outros partidos. Outro ponto destacado pelo meritíssimo foi que o Ministério Público também se posicionou favorável ao deferimento. "As condições de elegibilidade foram preenchidas, não havendo informação de causa de inelegibilidade", escreveu.
A decisão coloca fim em uma série de boatos que vinham sendo espalhados em rede social de que o prefeito estaria inelegível. Como não houve impugnação não cabe recurso da decisão.
Cataguases possui 8 candidatos a prefeito, mas no site do TSE consta, até o momento, apenas o deferimento da candidatura de Carlos Magno, o Maguinho, primeiro a realizar a convenção. A expectativa é que todos os deferimentos sejam atualizados no site até a próxima semana.
Ve…
Drogaria Santa Rita
Banner cadastramento cartão SUS
   

Covid-19: Comitê define possibilidade de retorno dos vendedores ambulantes em Cataguases

Linhas de ônibus também deverão funcionar com 100% da frota


Uma reunião do Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 de Cataguases, definiu a possibilidade de retorno dos vendedores ambulantes da cidade, desde que estes não estejam no grupo de risco da doença, como idosos diabéticos ou portadores de doenças crônicas. As medidas compõem a Deliberação nº 002 do referido Comitê e
 passam a valer a partir desta quarta-feira (17/06).

Conforme a Ata da reunião, que o Site Mídia Mineira teve acesso, os ambulantes terão que respeitar as medidas higiênico-sanitárias, como uso obrigatório de máscaras tanto para quem estiver trabalhando quanto para quem estiver comprando, distância mínima de 2 metros, disponibilidade de álcool 70%, responsabilidade na organização da fila, limpeza do local, entre outras coisas, conforme determina o Programa Minas Consciente e Decreto nº 5.202H/2020. Eles também poderão trabalhar na forma de delivery e/ou com retirada do produto por parte do cliente, sendo vedada o consumo e a colocação de mesas no local.

A reunião também definiu, entre outras coisas, que: 
  1. os estabelecimentos autorizados a funcionar só poderão ter em seu interior como limite máximo de cliente, o mesmo número de funcionários para atendê-los, sempre observando o distanciamento mínimo de 2 metros entre cada pessoa no interior dos estabelecimentos, além das medidas de saúde já previstas no Programa Minas Consciente e Decreto nº 5.202H/2020;
  2. o transporte público deverá retornar com 100% da frota, mas ainda mantida a lotação máxima de 50% de passageiros, sendo proibido o transporte de passageiros em pé. A CATRANS ainda verificará a necessidade das linhas nos finais de semanas e feriados;
  3. a barreira existente na Rodoviária deverá ser mantida e aprimorada e a empresa Paraibuna Transportes, que conseguiu liminar na justiça para voltar a funcionar, será fiscalizada para saber se as exigências sanitárias estão sendo cumpridas, conforme processo judicial nº 5001228-16.2020.8.13.0153;
  4. outras medidas deliberadas foram: possibilidade de aquisição de máscaras para distribuição e a divulgação em carro de som; 
Quanto aos restaurantes, ficou decidido que uma nova reunião acontecerá no dia 23/06 às 14 horas para tratar do tema.

O Site Mídia Mineira também apurou que o prefeito de Cataguases, Willian Lobo deverá se reunir com outros prefeitos da região e Ministério Público para buscar a classificação das ondas por micro região e não por macrorregião como é feito atualmente e coloca Cataguases junto com Municípios onde a transmissão da Covid-19 está fora de controle como Juiz de Fora e Muriaé. Caso consigam o pleito, Cataguases poderá avançar para onda branca do Plano Minas Consciente, uma vez que também obtivemos a notícia em primeira mão de que o Hospital de Cataguases já conseguiu a contratação dos médicos para trabalharem nos novos leitos de UTI que devem começar a funcionar em breve. O avanço para uma nova onda leva em conta a relação entre o número de leitos e a incidência de novos casos, além do tempo médio para internação após solicitação.

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases