Pular para o conteúdo principal
Unipac
Web Certificados
Drogaria Santa Rita DecolaNet RÁDIO BRILHO CATAGUASES - MG

Câmara de Dona Euzébia rejeita parecer do TCEMG e aprova contas de 2014 do ex-prefeito Mazinho

Decisão aconteceu após o ex-prefeito apresentar defesa em plenário. Nesta quinta-feira (2), os vereadores de Dona Euzébia rejeitaram o parecer do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) e aprovaram as contas do ex-prefeito da cidade, Itamar Ribeiro Toledo, o Mazinho, referente ao exercício de 2014. No dia 12 de agosto, os vereadores realizaram uma votação para analisar o parecer do TCE, mas a mesma foi anulada pelo próprio TCE, devido a falta de quórum e a ausência de defesa do ex-prefeito. Na ocasião, a Comissão de Finanças havia acompanhado o parecer do TCE, mas após o comparecimento de Mazinho, dentro do prazo regimental, os vereadores aceitaram os argumentos, fazendo com que a maioria dos membros da comissão mudassem o voto, deixando os demais edis à vontade para rejeitar o parecer por 6 votos a 3. Não é a primeira vez que a Câmara de Dona Euzébia rejeita um parecer do TCEMG.  O fato já ocorreu em outras duas oportunidades, quando os vereadores rejeitaram o parecer do

Servidores da Regional de Saúde em Leopoldina fazem manifestação devido a falta de pagamento de salários

Salários que já estavam atrasados e foram parcelados tiveram agora a parcela também atrasada pelo governo de Fernando Pimentel (PT)

Foto: Whatsapp / Reprodução

Servidores da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais lotados na Gerência Regional de Saúde de Leopoldina iniciaram uma manifestação contra atraso de salários por parte do Governo Estadual na manhã desta quarta-feira (29). 

Conforme os manifestantes, eles estão sem receber a segunda parcela e sem previsão de pagamento, razão da insatisfação gerada pois quando a parcela é liberada, mal dá para custear as despesas básicas, fazendo com que muitos se endividem. Os servidores reivindicam a regularização dos benefícios imediatamente. "Muitos servidores residem em municípios próximos a Leopoldina e já estão sem recursos para comparecer ao trabalho", disse um manifestante.

Segundo a Secretaria da Fazenda, eles receberão quando houver "disponibilidade de recursos".

Comentários

Anuncie Aqui Anuncie Aqui