Covid-19: plano nacional de vacinação terá quatro fases

Proposta preliminar foi discutida em reunião realizada nesta terça-feira Foto: REUTERS/Dado Ruvic/Agência Brasil O plano nacional de vacinação contra a covid-19 terá quatro fases. Em cada etapa serão atendidos determinados tipos de públicos, escolhidos a partir do risco da evolução para quadros graves diante da infecção, da exposição ao vírus e de aspectos epidemiológicos da manifestação da pandemia no país. A proposta preliminar foi discutida em reunião realizada nesta terça-feira (1º) com a participação do Ministério da Saúde e outras instituições, como a Fundação Oswaldo Cruz, o Instituto Butantan, o Instituto Tecnológico do Paraná e conselhos nacionais de secretários estaduais (Conass) e municipais (Conasems) de saúde. A primeira fase terá como prioridade trabalhadores de saúde, pessoas de 75 anos ou mais e idosos em instituições de longa permanência (como asilos), bem como povos indígenas. Na segunda fase a imunização será focada nos idosos de 60 a 74 anos. Pacientes a partir de 6

Prefeito de Miraí interdita ponte de acesso ao município impedindo trânsito de veículos pesados

Medida começa a valer a partir das 10 horas desta quarta-feira e servirá para tirar o trânsito de veículos pesados também de Cataguases

O prefeito de Miraí, Luiz Fortuce, decretou na tarde desta terça-feira (5), a interdição da ponte sobre o Rio Fubá que faz a ligação da Rua Expedicionário José Baldine com a Avenida Manoel Thomáz Duarte, após constatação por laudo técnico de engenharia do perigo do trânsito pesado sobre a ponte.


Trânsito de veículos pesados dentro de Miraí trouxe transtornos para o Município de
pouco mais de 13 mil habitantes, danificando ainda mais a pavimentação.
Vídeo Ezequiel Sabino

Conforme o decreto, a interdição será por tempo indeterminado e começará a valer a partir das 10 horas desta quarta-feira (6).

A interdição complica ainda mais a vida dos motoristas que precisam passar pela BR-116, com destino ao Rio de Janeiro ou região Nordeste do Brasil. A rodovia está interditada desde a madrugada de sábado devido um deslizamento de encosta no local, sem previsão certa de liberação. A expectativa, segundo o DNIT é que no próximo fim de semana a via possa ser liberada. A medida no entanto, tira o trânsito de veículos pesados também de Cataguases, trazendo benefício para a cidade.

Uma das alternativas para quem segue do Nordeste para o Rio de janeiro será pegar a BR-356 em Muriaé, sentido a Itaperuna, entrar em Comendador Venâncio, sentido a Laje do Muriaé na RJ-116 até Santo Antônio de Pádua, entrando em seguida na RJ-186 até Além paraíba. Outra opção é seguir até Itaperuna para em seguida já pegar a RJ-186 até Além Paraíba. O primeiro trajeto aumenta a viagem em aproximadamente 43 quilômetros, já o segundo trajeto pode aumentar a viagem em até 80 quilômetros mas tem estrada melhor.

Para quem está vindo do Rio de Janeiro para o Nordeste, pode pegar a BR-393, sentido a Volta Grande/Pirapetinga até Santo Antônio de Pádua, para em seguida pegar a RJ-116 até comendador Venâncio e a BR-356 até Muriaé, aumentando em 43 quilômetros a viagem.

Uma outra alternativa para quem pretende viajar do Rio de Janeiro para o Nordeste ou vice e versa, é planejar a viagem através da BR-101.

Automóveis de passeio e veículos leves estão liberados para continuar passando por Cataguases e Miraí.

Confira abaixo o decreto do prefeito de Miraí na íntegra:





Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases