PCMG prende em flagrante suspeito pela prática dos crimes de tortura e de cárcere privado em Visconde do Rio Branco

Também foi cumprido mandado de prisão em desfavor do investigado, de 29 anos, após apuração de denúncia relacionada à violência doméstica Na quinta-feira (3/12), a Polícia Civil de Minas Gerais prendeu em flagrante um homem de 29 anos, suspeito de cometer os crimes de tortura e de cárcere privado. A ação ocorreu, após apuração de denúncia relacionada à prática de violência doméstica contra a companheira do investigado. Conforme informações do delegado Aldrey Toledo Ribeiro, no fim de novembro, foi instaurado inquérito policial para apurar os fatos, assim que a PCMG recebeu relatório social do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) com a denúncia, noticiando que a vítima estaria vivendo, há algum tempo, em situação de cárcere privado e de tortura. “O referido documento informava ainda que a mulher seria trazida para a delegacia, no dia 02 de dezembro, quando teria uma consulta com a psiquiatra que estava acompanhando a vítima. No entanto, na data agendada, a vítima não comp

Homem é preso em flagrante pela PM tentando furtar paróquia em Maripá de Minas


A Polícia Militar de Maripá de Minas prendeu na noite desta quinta-feira (15),  em flagrante, um homem no momento em que efetuava um furto a Paróquia São Sebastião, daquele município.

De acordo com informações, os policiais desconfiaram de uma bicicleta que se encontrava em frente a casa paroquial. Ao se aproximar do imóvel, ouviram ruídos e resolveram subir no muro para verificar o que estaria ocorrendo. Com a ajuda de lanternas, os militares visualizaram um homem com uma camisa na cabeça. Ao perceber a presença dos policiais o homem tentou fugir mas foi contido pela equipe. Após buscas, foi encontrada uma barra de ferro atravessada em uma das portas por onde o suspeito entrou e junto ao muro, foi localizado um aparelho amplificador e diversos objetos de metal, pertencentes a paróquia.

O autor recebeu voz de prisão em flagrante delito e foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil em Juiz de Fora para as demais providências. O suspeito negou o furto e disse que pulou o muro para usar drogas. Ele já possui diversas passagens pela polícia.
*Fotos: Site do Kadu Fontana

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases