728x90 AdSpace

Magazine Luiza
  • Últimas

    Sicred Santa Rita Drogaria
    Curso de Barbeiro Promoção autos
    quarta-feira, 1 de maio de 2024

    Cataguases é palco de intervenção artística com Anna Göbel e Chico Simões por meio do projeto de Educação Patrimonial Iphan+80

    Iniciativa aconteceu no muro da Escola Flávia Dutra e visa envolver comunidades mineiras em ações de valorização do patrimônio local.






    Cataguases recebeu, nesta segunda e terça-feira, 29 e 30 de abril, a intervenção artística do "Programa Educativo Iphan+80", um projeto cultural que visa promover a valorização e preservação do patrimônio cultural. Organizado pela Akala, uma entidade sem fins lucrativos de Belo Horizonte, o projeto está percorrendo sete cidades mineiras para impactar positivamente a população local.

    A ação em Cataguases começou com a criação de um mural na Escola Municipal Flávia Dutra, com a participação de Anna Göbel, renomada muralista, e Chico Simões, do grupo de teatro de bonecos "Mamulengo Presepada". A iniciativa contou com a participação ativa da população, que ajudou a pintar o muro, incorporando elementos que representam a cultura e o patrimônio da região.

    O encerramento das atividades do projeto em Cataguases foi marcado por uma cerimônia simbólica, que contou com a presença de Andréia de Bernardi, presidente da Akala, autoridades locais como o prefeito José Henriques e a secretária de educação, artistas como o grupo de percussão Alabá comandado pelo músico Tumate e o grupo Abadá Capoeira do mestre Chinês. Durante o evento, a comunidade teve a oportunidade de interagir com os artistas e expressar sua conexão com os temas do mural, que incluem patrimônio cultural material e imaterial.




    Além das intervenções artísticas, o projeto inclui uma fase de formação de multiplicadores, com oficinas destinadas a professores e agentes culturais. O objetivo é capacitar esses profissionais para disseminar os conhecimentos adquiridos sobre educação patrimonial nas escolas e centros culturais. O material didático-pedagógico desenvolvido para o projeto será distribuído aos participantes, contendo atividades baseadas nos bens culturais de cada cidade envolvida.


    Segundo Andréia De Bernardi, a abordagem adotada pela Akala não se limita aos bens já tombados, mas se estende a uma valorização mais ampla dos elementos naturais e culturais que caracterizam cada localidade.

    Após Cataguases, o projeto seguirá para Miguel Burnier, distrito de Ouro Preto, continuando sua jornada de promoção cultural. O "Programa Educativo Iphan+80" conta com o apoio de várias prefeituras e patrocinadores como BAUMINAS, MRS e GERDAU, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, que contribuem para a sustentabilidade do projeto.

    O projeto também está documentando suas ações e resultados, disponibilizando conteúdos e registros no site https://iphan80.com.br, permitindo que a população acompanhe e participe virtualmente das iniciativas.
    Sobre Anna Göbel

    Filha de alemães, nascida na Espanha e criada na Argentina, Anna Göbel mora no Brasil desde 1995. Com uma sólida carreira nas artes plásticas e literárias, reconhecida nacional e internacionalmente, ela traz sua expertise para enriquecer o “Programa Educativo Iphan+80”.

    Sobre Chico Simões
    Chico Simões desenvolveu um conjunto de princípios, técnicas, filosofia e método que intitulou de “A Arte Secreta do Mamulengo” e que funciona como base de seu trabalho. Seus inúmeros projetos têm viés social e educativo, e dialogam com a economia solidária, com a cultura digital e com os fundamentos das culturas populares e tradicionais.

    Sobre o IPHAN
    O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) é uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Cultura que responde pela preservação do Patrimônio Cultural Brasileiro. Cabe ao Iphan proteger e promover os bens culturais do País, assegurando sua permanência e usufruto para as gerações presentes e futuras.

    Sobre a Akala
    A Akala é associação cultural sediada em Belo Horizonte, reconhecida por criar e implementar relevantes projetos educativos e culturais. Desde a sua fundação, a Akala se destaca pela proposição e realização de relevantes projetos tendo recebido prêmios e menções honrosas nacionais e internacionais, dentre eles o Prêmio Economia Criativa do Ministério da Cultura e o Prêmio Ibero-americano de Educação e Museus concedido pelo IBERMUSEUS.

    Confira mais fotos do evento abaixo:











    Por Mídia Mineira com informações 
    da Assessoria de Imprensa:  
    Mombak Comunicação Estratégica 

    Google News

    Entre para o nosso canal no Whatsapp: Clique aqui

    • Comente no Site
    • Comente no Facebook

    0 comments:

    Postar um comentário

    Item Reviewed: Cataguases é palco de intervenção artística com Anna Göbel e Chico Simões por meio do projeto de Educação Patrimonial Iphan+80 Rating: 5 Reviewed By: Mídia Mineira
    Voltar para o Início