Pular para o conteúdo principal
Unipac
Web Certificados
Drogaria Santa Rita DecolaNet RÁDIO BRILHO CATAGUASES - MG

Mulher é resgatada de açude em Muriaé após veículo ser carbonizado

Os policiais civis foram informados sobre a existência de um veículo carbonizado no local e, após levantamentos, conseguiram encontrar a vítima com queimaduras, dentro de um açude, no interior de uma mata. A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) resgatou, nesta quinta-feira (25/11), uma mulher que estava com queimaduras, dentro de um açude, no interior de uma mata, no município de Muriaé, na Zona da Mata mineira.  De acordo com o delegado Glaydson de Souza Ferreira, policiais civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) obtiveram informações de que havia um veículo carbonizado no distrito industrial. Ao se deslocarem até o local e realizarem levantamentos, foi possível identificar o carro. “Após horas de buscas, encontramos a vítima com queimaduras dentro de um açude, no meio da mata. Em conversa com a vítima, ela informou que se encontrava em um quadro depressivo”, informa, explicando que ela relatou que teria comprado galões de gasolina para atear fogo no próprio veícul

Polícia Militar realiza operação em Cataguases para fiscalização de motos barulhentas

Ação aconteceu devido inúmeras reclamações sobre esse tipo de veículo


Nesta sexta-feira (18), por volta das 20h30, a Polícia Militar realizou a Operação Cavalo de Aço, com o objetivo de fiscalizar e coibir o tráfego de motocicletas com sistema de escapamento adulterado, com descarga livre ou com componente que altera o silenciador do motor de explosão, mais conhecido como “torbal”, as chamadas motos barulhentas.

Segundo a PM, esse tipo de moto barulhenta, tem incomodado os moradores de vários bairros da cidade de Cataguases, a cada dia surge uma nova reclamação referente ao ruído alto produzido pelo escapamento das motos que proporcionam um ronco e barulhos desproporcionais.

Segundo a Lei 9.503/1997 (Código de Trânsito Brasileiro), em seu Artigo 230, inciso XI, constitui infração grave conduzir veículo "com descarga livre ou silenciador de motor de explosão defeituoso, deficiente ou inoperante".

O resultado da operação foi: 4 motocicletas removidas a pátio credenciado, 3 automóveis e 10 motocicletas fiscalizados.

Comentários

  1. Eu achei excelente a iniciativa da PM.
    Deus nos livre desses motoqueiros barulhentos. Falta de respeito.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Anuncie Aqui Anuncie Aqui