AGORA É LEI: Em Cataguases autistas terão direito a Carteira de Identificação para garantia de direitos

Lei do vereador Ricardo Dias foi sancionada pelo prefeito José Henriques no último domingo (9) O prefeito de Cataguases, José Henriques, sancionou a Lei nº 4751/2021, de autoria do vereador Ricardo Dias que Institui e Regulamenta a emissão da Carteira de Identificação da pessoa com Transtorno do Espectro Autista (CIA/TEA) no âmbito do Município de Cataguases. O documento será emitido pelos Centros de Referências de Assistência Social (CRAS), vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Social e o portador poderá usufruir dos direitos concedidos a pessoa com TEA no Município, como preferência e prioridade total em todos os órgãos, setores e repartições públicas e particulares que possuam filas e ordem de chegada para fins de atendimento, gratuidade em estacionamentos públicos e privados, entre outros. A Lei já está em vigor e os responsáveis devem se dirigir a Secretaria de Desenvolvimento Social, localizada no Centro Administrativo na Rua Gama Cerqueira, 70, na Vila Domingos Lopes ou a um

Cataguases tem mais mortes por covid-19 em 4 meses de 2021 do que em todo 2020

A exemplo do que aconteceu no Brasil, o Município de Cataguases foi atingido em cheio pela segunda onda  da  Covid-19


De acordo com boletins da Secretaria Municipal de Saúde, divulgados nas redes sociais do Executivo Municipal, os quatro primeiros meses de 2021 já registram mais casos e mortes por covid-19 em Cataguases do que todo o ano de 2020. Em janeiro até final de abril, foram computados 2.898 casos da doença, contra um total de 1.975 em todo o ano de 2020. O total de casos hoje somam 4.873.

O número de óbitos também teve um aumento considerável. Em 2020 morreram da doença, em Cataguases, 57 pessoas e em 2021 já foram confirmadas 103 mortes, quase que o dobro do ano anterior em apenas 4 meses, totalizando 160 óbitos por Covid no município até o momento.

Um comparativo entre as 8 cidades mais populosas da Zona da Mata Mineira, mostra Cataguases em 3º lugar em óbitos por 100 mil habitantes, perdendo apenas para Ponte Nova e Juiz de Fora. Confira abaixo o comparativo detalhado:


Subnotificação

Um problema mais sério, enfrentado pelo município, é a falta de testes para detecção da Covid-19, o que gera um alto índice de subnotificação, demonstrando que o total de infectados desde o início da pandemia até o momento, pode ser duas ou até três vezes maior do que é informado oficialmente. A recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é a testagem de todos os pacientes com sintomas do novo coronavírus, o que não ocorre no município. “Temos uma simples mensagem: testem, testem, testem. Todos os casos suspeitos. Se eles derem positivo, isolem”, declarou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom hebreyesus.

Em conversa por telefone com o secretário municipal de Saúde, Ricardo Mattos, a reportagem do site Mídia Mineira apurou que ele concorda com a necessidade da testagem em massa, mas reforça que o município segue o protocolo do Estado, que não obriga a testagem de todos os pacientes com sintomas, que o Município não tem dinheiro para comprar testes suficientes e que pretende implantar um protocolo municipal próprio.  “Nós vamos estar ampliando de maneira vertiginosa para tentar monitorar isso melhor”, disse o secretário.

Vacinação

Conforme dados do Governo do Estado, já foram vacinados em Cataguases até o momento, 14.811 pessoas com a primeira dose do imunizante, o que representa 19,60% da população total e 7.802 com a segunda dose ou 10,32% da população total. Especialistas estimam que a imunidade de rebanho só será possível quando pelo menos 70% da população se vacinar ou se tornar imune ao vírus.
 

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases