AGORA É LEI: Em Cataguases autistas terão direito a Carteira de Identificação para garantia de direitos

Lei do vereador Ricardo Dias foi sancionada pelo prefeito José Henriques no último domingo (9) O prefeito de Cataguases, José Henriques, sancionou a Lei nº 4751/2021, de autoria do vereador Ricardo Dias que Institui e Regulamenta a emissão da Carteira de Identificação da pessoa com Transtorno do Espectro Autista (CIA/TEA) no âmbito do Município de Cataguases. O documento será emitido pelos Centros de Referências de Assistência Social (CRAS), vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Social e o portador poderá usufruir dos direitos concedidos a pessoa com TEA no Município, como preferência e prioridade total em todos os órgãos, setores e repartições públicas e particulares que possuam filas e ordem de chegada para fins de atendimento, gratuidade em estacionamentos públicos e privados, entre outros. A Lei já está em vigor e os responsáveis devem se dirigir a Secretaria de Desenvolvimento Social, localizada no Centro Administrativo na Rua Gama Cerqueira, 70, na Vila Domingos Lopes ou a um

Traficante foragido é preso pela Polícia Civil em Juiz de Fora

O homem de 36 anos, condenado a 12 anos de prisão por tráfico de drogas, foi preso na tarde desta terça-feira (16/2), no Bairro São Mateus, após trabalhos investigativos


Na tarde desta terça-feira (16/2), a Polícia Civil de Minas Gerais prendeu um homem de 36 anos, condenado a 12 anos de prisão pela prática do crime de tráfico de drogas, no município de Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. A ação foi deflagrada no Bairro São Mateus, onde o indivíduo foi abordado em via pública por policiais civis da Delegacia de Combate ao Narcotráfico.

Conforme informações do delegado Rafael Gomes, ele estava foragido há nove meses. “Investigações apontaram que o homem estaria se escondendo no estado de São Paulo e que, em razão do Carnaval, o indivíduo estaria na cidade de Juiz de Fora para visitar familiares. Após monitoramento, em meio aos trabalhos investigativos, foi deflagrada a ação na cidade”, explicou. 

Após a abordagem, o homem foi encaminhado à Delegacia Regional de Juiz de Fora, onde será cumprido o mandado de prisão por condenação em desfavor dele, expedido pela 4ª Vara Criminal. Posteriormente, será conduzido até o sistema prisional, permanecendo à disposição da Justiça. 

Condenação após investigação criminal

Investigações da Polícia Civil de Minas Gerais, que se iniciaram em 2012, resultaram na condenação do homem de 36 anos. Na ocasião, ele já era suspeito de praticar o tráfico ilícito de drogas na cidade. 

Após levantamentos, no ano seguinte, no dia 6 de fevereiro de 2013, a PCMG, por meio da 6ª Delegacia, deflagrou uma ação na Avenida Rio Branco que resultou na prisão dele, bem como na apreensão de mais de 30 quilos de pasta base de cocaína, entre outros materiais. 

Na época, o homem foi preso, além disso, foi constatado que ele estaria usando um apartamento alugado para servir como refinaria, abastecendo pontos de vendas de entorpecentes em diversas regiões do município.

Equipe:
Chefe do 4º Departamento, Gustavo Adélio Lara Ferreira.
Delegado Regional em Juiz de Fora, Armando Avólio Neto.
Titular da Delegacia de Combate ao Narcotráfico, Rafael Gomes.
Inspetor Rogério Marinho.
Equipe de Investigadores: Gustavo de Souza Soares, Thiago Nazário Machado, Raphael Pereira Neto Luz e Leonardo Leal.
Escrivã: Vilmara Muzulão.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases