Após denúncia MP irá apurar descumprimento de protocolo na vacinação contra a Covid-19 em Cataguases

Vereador Rafael Moreira solicitou nome das pessoas que foram vacinadas, mas não foi atendido A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Cataguases, por meio da Promotora de Justiça Amanda Merlini Dutra Osipe, instaurou procedimento para apurar eventual descumprimento dos Planos Nacional e Estadual de Vacinação contra a Covid-19, pelo Município de Cataguases nesta sexta-feira (22). Conforme Nota Pública daquela procuradoria, enviada para a redação do Site Mídia Mineira, o objetivo de tal procedimento será apurar se pessoas que não se enquadram no grupo prioritário eleito pelas autoridades  sanitárias foram beneficiadas com a imunização. Confira a nota na íntegra no final da matéria. A administração terá 24 horas para enviar os seguintes documentos: Encaminhar a relação de pessoas que já foram ou serão imunizadas, indicando o nome completo e qual o grupo prioritário pertence; Informar quantas doses foram destinadas a cada grupo prioritário; Explicar se foi possível vacinar todos os idosos

Homem é preso em Cataguases suspeito de estuprar criança de 12 anos


Um homem de 26 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (3), no bairro Leonardo, em Cataguases, suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 12 anos. Ela seria filha de sua namorada.

Informações preliminares dão conta de que o homem estaria mantendo conversa via aplicativo do Whatsapp da vítima, já há algum tempo, onde a teria seduzido. No início da madrugada de hoje, a mãe adotiva da menina flagrou as mensagens onde ele pedia fotos das partes íntimas da jovem. Existe a suspeita de estupro, mas ainda não foi confirmada. 

O autor foi Preso em flagrante com base nos crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), nos artigos 241-B (Adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente) e 241-D (Aliciar, assediar, instigar ou constranger, por qualquer meio de comunicação, criança, com o fim de com ela praticar ato libidinoso).

Até o fechamento dessa matéria a ocorrência ainda estava em andamento.

Confira abaixo vídeo compartilhado em rede social do momento da prisão:




Comentários

  1. Nesse bairro existe muitas vagabundas meninas prostitutas não há de condenar

    ResponderExcluir
  2. Pessoa não pode.ser condenado pela miséria de vagabundas sustenta pela própria mãe ou sociedade

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases