Energisa utiliza helicóptero para inspeções na rede elétrica e garante agilidade em 95% dos serviços

Foram investidos R$ 180 mil para inspecionar 580 km de linhas. O compromisso da Energisa é a excelência no fornecimento de energia elétrica, serviço essencial para toda a população. Por isso, a empresa está investindo cada vez mais em tecnologia e modernizando a rede elétrica. Para agilizar as inspeções na rede, a Energisa Minas Gerais conta com equipamentos modernos e um helicóptero para inspeções visuais e termográficas aéreas nas linhas, garantindo maior rapidez. Dentro do planejamento estratégico de investimento na rede, no mês de março, foram inspecionados aproximadamente 580 km de linhas de transmissão, que interligam as subestações da área de concessão da Energisa em Minas Gerais, um investimento de cerca de R$ 180 mil. Utilizando equipamentos de alta tecnologia, com uma câmera das mais avançadas do mercado, acoplada ao helicóptero, é possível identificar, desde o estágio inicial, os locais onde ações corretivas devem ser realizadas de forma programada. A câmera de

Polícia Militar age rápido e prende autores de roubo em Cataguases


A Polícia Militar de Cataguases agiu rápido e prendeu dois indivíduos que assaltaram um transeunte na Avenida Eudaldo Lessa, no bairro Pampulha em Cataguases na noite de quarta-feira (2). Eles ameaçaram a vítima com uma faca e levaram aparelho smartphone no valor aproximado de R$ 900,00.

Segundo informações repassadas pela PM, o fato ocorreu por volta das 21h30min. Os dois indivíduos, de 20 e 37 anos, chegaram em uma motocicleta Honda CG Titan e um deles ameaçou a vítima com uma faca, subtraindo o aparelho celular. 

As equipes policiais, de posse das características dos autores e da motocicleta, iniciaram rastreamento imediatamente após o acionamento. Ainda segundo a PM, diversas denúncias surgiram que possibilitou a localização dos autores, que acabaram capturados. Eles foram reconhecidos pela vítima, receberam voz de prisão e foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Leopoldina para as demais providências.

A PM informou ainda que o resultado final só foi possível devido um esforço conjunto entre Polícia Militar e Sociedade Civil, que auxiliou de forma anônima pelo telefone 190 com informações imprescindíveis para a prisão dos autores.

Os presos já possuem ficha policial por outros roubos.

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases