Polícia Militar prende em Cataguases foragido da justiça

Na sexta-feira (5), a Polícia Militar prendeu um foragido da justiça, na MG-447 próximo a localidade conhecida como Sereninho. Segundo a PM, a prisão foi possível após uma denuncia anônima dando conta de que o homem, de 38 anos, vulgo Bengala, com mandado de prisão em aberto, transitava pelo bairro Tomé em um veículo de aplicativo. Abordado, nada de ilícito foi localizado em seu poder, sendo dado voz de prisão e encaminhado para Delegacia de Polícia Civil para as demais providências. 

100 mil consumidores já negociaram seus débitos com o Grupo Energisa

Maioria das negociações foi realizada pelos canais digitais do Grupo 

Com o objetivo de ajudar os clientes que sofrem os efeitos econômicos causados pela pandemia a manter a organização financeira, o Grupo Energisa está oferecendo condições especiais de parcelamentos para os consumidores que estão com suas contas atrasadas. Desde o início da pandemia, decretada no final do mês de março, mais de 100 mil acordos foram realizados.   

“Essa oportunidade de negociação é válida para clientes atendidos em baixa tensão, como as residências, pequenos comércios e clientes rurais. Para se ter uma ideia, mais de 30% das negociações e renegociações do Grupo Energisa foram realizadas para consumidores residenciais”, destaca o gerente de Serviços Comerciais da Energisa Minas Gerais, Luciano Lima.   

Para Sthenio Martins, economista formado pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), é um momento importante para colocar tudo na ponta do lápis e aproveitar as condições de negociação que são oferecidas pelas empresas. “É preciso se organizar e definir as prioridades. Somente dessa forma é possível saber quais os gastos e fontes de receitas, verificar o valor, prazo de pagamento e analisar também possíveis gastos que podem ser eliminados durante a pandemia. Caso não seja possível realizar o pagamento de alguma dívida, é importante tentar renegociar. A pandemia não isenta o pagamento das contas, então é importante quitar as dívidas para não ficar inadimplente”, explica.    

Como negociar?   

Os clientes podem parcelar seus débitos com entrada facilitada e opções de parcelamento adequadas para cada necessidade. “Temos feito todo o possível para que os clientes mantenham a vida financeira equilibrada e não deixem as contas acumularem. Além de ser uma excelente oportunidade, a negociação exclui o nome do devedor da lista dos órgãos de proteção ao crédito”, enfatiza Luciano Lima.   

Para negociar os débitos com a Energisa basta entrar em contato com a distribuidora pelo WhatsApp da Gisa, site, aplicativo Energisa On ou pelo Call Center. Pelo WhatsApp, é só escrever “Parcelamento” e a negociação será iniciada.    

Canais de atendimento:    

WhatsApp Gisa: (32) 9 8426-1352   
Aplicativo para celular Energisa On   
Call Center: 0800 032 0196   
Bancos conveniados: Caixa Econômica, Sicredi, Santander, Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Itaú, Sicoob e Mercantil do Brasil

Fonte: Assessoria de Comunicação Energisa

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases