Drogaria Santa Rita DecolaNet RÁDIO BRILHO CATAGUASES - MG

Secretaria de Saúde de Cataguases e Hospital definem protocolo para atendimento de casos suspeitos de coronavírus; Saiba a situação em Minas

Secretaria Municipal de Saúde e o Hospital de Cataguases definiram na ultima sexta-feira (28), protocolo para atendimento de casos suspeitos de coronavírus, o COVID-19. A informação foi postada pela Prefeitura de Cataguases em sua página no Facebook.

Conforme a publicação, representantes da Secretaria Municipal de Saúde e do  Hospital de Cataguases definiram um protocolo de atendimento para casos suspeitos da doença no município. O protocolo já está sendo seguido e poderá ser modificado posteriormente. Conforme o documento, pacientes com sintomas suspeitos devem procurar a Unidade Básica de Saúde na qual estejam referenciados para um atendimento inicial. A partir de então, a UBS acompanhará o caso, tomando as medidas cabíveis. A medida segue recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Situação em Minas

Até a data do último informe sobre o coronavírus, pela Secretaria de Estado de
Saúde de Minas Gerais, datada de 28 de fevereiro, foram 20 notificações em Minas. A primeira suspeita em Minas Gerais foi notificada no dia 28 de janeiro de 2020 e até o momento, 17 seguem em investigação e 3 foram descartadas. Nenhum foi confirmado no Estado.

Confira na tabela abaixo a distribuição dos casos suspeitos de Covid-19 notificados segundo município de residência: 
Dos casos em investigação, 11 (65%) são do sexo feminino e 6 (35%) do sexo masculino. A mediana de idade foi de 33 anos, variando de 14 e 65 anos. Com relação ao histórico de viagem, 15 (88%) referem viagem a países com circulação do Covid-19 como Itália, França, Inglaterra e Portugal e 2 (12%) não tem histórico de viagem, porém são contatos de casos suspeitos. 

Quanto a hospitalização, 08 (47%) necessitaram ser internados pós-atendimento.

Sintomas

Quanto a manifestação de sintomas, 16 (94%), apresentaram febre, 15 (88%) tosse, 10 (59%) dor de garganta, 01 (6%) dificuldade de respirar, 03 (17%) diarreia, 01 (6%) náuseas, 04 (23%) cefaleia, 04 (23%) coriza e 02 (12%) fadiga.

Com informações da Prefeitura de Cataguases e
da Secretaria de Estado de Saúde 

Comentários

Anuncie Aqui Anuncie Aqui