Notícia

Comitê Gestor da Covid em Cataguases permite maior flexibilização

O Comitê Gestor de Enfrentamento a Covid-19, em Cataguases, definiu novos avanços de flexibilização na reunião que aconteceu nesta quinta-feira (17). A possibilidade de avanço foi possível devido ao fato do município se encontrar em platô, com média móvel de 24 casos por semana com 1 óbito, além de baixo índice de ocupação da UTI, explicou o médico Dr. Joseph Freire, que também informou que já foram realizados 1.025,68 testes para cada 10 mil habitantes. O Município se prepara para aderir a onda verde do Minas Consciente neste fim de semana.
Na reunião ficou definido as seguintes mudanças: As padarias poderão ter consumo interno desde que cumpram as exigências como disponibilizar mesas com distanciamento mínimo de 2 metros entre elas, após aprovação da fiscalização; Os templos religiosos poderão realizar reuniões com no máximo 100 pessoas, respeitando o limite de 20% da capacidade do mesmo. Os partidos políticos deverão ser notificados pelo Promotor eleitoral para que respeitem as regras …
Drogaria Santa Rita
Banner cadastramento cartão SUS
   

Operação da Polícia Civil em Muriaé recupera aparelhos eletrônicos e um contêiner

A Polícia Civil de Minas Gerais investiga, em Muriaé, a prática de apropriação indébita e de possíveis fraudes no comércio. Na quarta-feira (14), durante a operação denominada "Operação Fraudator", policiais civis deram cumprimento a três mandados de busca e apreensão em residências e em um estabelecimento comercial que resultaram na apreensão de bolsas, dinheiro, equipamentos eletrônicos, entre outros objetivos. Na última semana, os policiais civis localizaram um contêiner refrigerado, em um clube recreativo, na Zona Rural da cidade. Investigações apontam que suspeitos da prática de apropriação indébita do contêiner também estariam envolvidos em fraudes no comércio da cidade.

A ação ocorreu após dois meses de investigações da Delegacia de Defraudações de Muriaé, por intermédio do Delegado Titular Fábio Correia do Nascimento e equipe , e com apoio de investigadores de outras unidades da 4ª Delegacia Regional de Muriaé. “Tais diligências ensejaram na primeira fase da denominada ‘Operação Fraudator’, que teve como nascedouro a notícia da prática, em tese, da apropriação indébita de um contêiner refrigerado, de vinte pés, de valor comercial aproximado de R$ 25.000, oriundo de uma locação realizada na cidade de Itaperuna, Rio de Janeiro, transportado para Muriaé e não mais devolvido ao proprietário”, explicou a autoridade policial, informando que, nos cumprimentos dos mandados de ontem, foram recolhidos equipamentos eletrônicos, documentos e dinheiro para averiguações.

Ainda segundo o Delegado, a Polícia Civil investiga a participação de três pessoas no caso. As diligências seguem em andamento.




Fonte: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases