Pular para o conteúdo principal
Unipac
Web Certificados
Drogaria Santa Rita DecolaNet RÁDIO BRILHO CATAGUASES - MG

2 de dezembro: Minas Gerais completa hoje 301 anos de emancipação

Minas começou a ganhar autonomia administrativa em 1720, quando formou uma capitania própria e foi, por muito tempo, centro econômico brasileiro Neste dia 2 de dezembro de 2021, Minas Gerais completa 301 anos de sua emancipação da capitania de São Paulo, por alvará régio do Rei Dom João V, assinado após ouvir o Conselho Ultramarino, em 2 de dezembro de 1720. Até se tornar um estado tal qual conhecemos hoje, muita coisa aconteceu. A capitania de Minas Gerais foi o primeiro passo para a autonomia administrativa de Minas e ela é resultado do desmembramento da capitania de São Paulo e Minas do Ouro.  Com a descoberta da abundância de ouro no fim do século XVII a região se tornou o centro econômico da colônia. "Minas é, durante muito tempo, um conjunto de arraiais. Eu costumo comparar Minas nesse período com um filme de faroeste. É uma terra sem lei onde não existe um aparato administrativo, que vai se instalar só por volta de 1709 e que vai se consolidar por volta de 1720", expli

Operação da Polícia Civil em Muriaé recupera aparelhos eletrônicos e um contêiner

A Polícia Civil de Minas Gerais investiga, em Muriaé, a prática de apropriação indébita e de possíveis fraudes no comércio. Na quarta-feira (14), durante a operação denominada "Operação Fraudator", policiais civis deram cumprimento a três mandados de busca e apreensão em residências e em um estabelecimento comercial que resultaram na apreensão de bolsas, dinheiro, equipamentos eletrônicos, entre outros objetivos. Na última semana, os policiais civis localizaram um contêiner refrigerado, em um clube recreativo, na Zona Rural da cidade. Investigações apontam que suspeitos da prática de apropriação indébita do contêiner também estariam envolvidos em fraudes no comércio da cidade.

A ação ocorreu após dois meses de investigações da Delegacia de Defraudações de Muriaé, por intermédio do Delegado Titular Fábio Correia do Nascimento e equipe , e com apoio de investigadores de outras unidades da 4ª Delegacia Regional de Muriaé. “Tais diligências ensejaram na primeira fase da denominada ‘Operação Fraudator’, que teve como nascedouro a notícia da prática, em tese, da apropriação indébita de um contêiner refrigerado, de vinte pés, de valor comercial aproximado de R$ 25.000, oriundo de uma locação realizada na cidade de Itaperuna, Rio de Janeiro, transportado para Muriaé e não mais devolvido ao proprietário”, explicou a autoridade policial, informando que, nos cumprimentos dos mandados de ontem, foram recolhidos equipamentos eletrônicos, documentos e dinheiro para averiguações.

Ainda segundo o Delegado, a Polícia Civil investiga a participação de três pessoas no caso. As diligências seguem em andamento.




Fonte: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

Comentários

Anuncie Aqui Anuncie Aqui