Após denúncia MP irá apurar descumprimento de protocolo na vacinação contra a Covid-19 em Cataguases

Vereador Rafael Moreira solicitou nome das pessoas que foram vacinadas, mas não foi atendido A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Cataguases, por meio da Promotora de Justiça Amanda Merlini Dutra Osipe, instaurou procedimento para apurar eventual descumprimento dos Planos Nacional e Estadual de Vacinação contra a Covid-19, pelo Município de Cataguases nesta sexta-feira (22). Conforme Nota Pública daquela procuradoria, enviada para a redação do Site Mídia Mineira, o objetivo de tal procedimento será apurar se pessoas que não se enquadram no grupo prioritário eleito pelas autoridades  sanitárias foram beneficiadas com a imunização. Confira a nota na íntegra no final da matéria. A administração terá 24 horas para enviar os seguintes documentos: Encaminhar a relação de pessoas que já foram ou serão imunizadas, indicando o nome completo e qual o grupo prioritário pertence; Informar quantas doses foram destinadas a cada grupo prioritário; Explicar se foi possível vacinar todos os idosos

Governo do Estado suspende cirurgias de cataratas

A Secretaria Municipal de Saúde de Cataguases, informou na manhã desta quarta-feira (24), que o Governo do Estado suspendeu temporariamente as cirurgias de cataratas que, na última semana, haviam sido motivo de mutirão no município, com pacientes sendo encaminhados para a cidade de Vespasiano para a realização do procedimento. 

Conforme  explicou a secretária Daniela Rezende Coelho, na sexta feira passada, 82 pacientes de nossa cidade realizaram a cirurgia com sucesso.

No total, foi disponibilizado para Cataguases, 247 procedimentos e outros encaminhamentos já estavam agendados para esta semana, inclusive com ônibus fretados pela Prefeitura para levar os pacientes. No entanto, ontem, no final da tarde, a Secretária foi surpreendida com a informação por parte do Hospital de Vespasiano de que o mutirão havia sido suspenso temporariamente pelo Governo Estadual. Segundo ela, até o momento nenhuma nota oficial da Secretaria de Estado da Saúde foi enviada para o município , porém, o deputado federal Rodrigo de Castro, que havia intermediado as cirurgias para os pacientes de nossa cidade enviou hoje cedo uma nota lamentado o ocorrido. Diz a nota:

"É com grande tristeza que comunicamos que o mutirão de Cirurgias de Cataratas foi suspenso temporariamente. Estamos aguardando novas decisões, entre governos Federal e Estadual, para que possamos dar continuidade a tão importante ação de assistência ao cidadão".

Com informações da Prefeitura de Cataguases

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases