Após denúncia MP irá apurar descumprimento de protocolo na vacinação contra a Covid-19 em Cataguases

Vereador Rafael Moreira solicitou nome das pessoas que foram vacinadas, mas não foi atendido A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Cataguases, por meio da Promotora de Justiça Amanda Merlini Dutra Osipe, instaurou procedimento para apurar eventual descumprimento dos Planos Nacional e Estadual de Vacinação contra a Covid-19, pelo Município de Cataguases nesta sexta-feira (22). Conforme Nota Pública daquela procuradoria, enviada para a redação do Site Mídia Mineira, o objetivo de tal procedimento será apurar se pessoas que não se enquadram no grupo prioritário eleito pelas autoridades  sanitárias foram beneficiadas com a imunização. Confira a nota na íntegra no final da matéria. A administração terá 24 horas para enviar os seguintes documentos: Encaminhar a relação de pessoas que já foram ou serão imunizadas, indicando o nome completo e qual o grupo prioritário pertence; Informar quantas doses foram destinadas a cada grupo prioritário; Explicar se foi possível vacinar todos os idosos

Vacinação contra poliomielite e sarampo começa nesta segunda (6)

Meta é imunizar no mínimo 95% das crianças de 1 a 5 anos, diz Ministério da Saúde

Crianças que já tomaram uma ou mais doses contra a poliomielite vão receber a vacina da gotinha - Foto: Divulgação/Prefeitura de Tucuruí (PA)

Com foco no público infantil, a campanha nacional de vacinação contra a poliomielite e o sarampo começa nesta segunda-feira (6) e vai até o dia 31 de agosto. Devem ser imunizadas as crianças de 1 a 5 anos, independentemente da situação vacinal, desde que não tenham recebido doses contra as doenças nos últimos 30 dias.

As crianças que nunca tomaram a vacina contra a poliomielite vão receber a versão injetável, enquanto aquelas que já tomaram pelo menos uma dose, vão tomar a vacina da gotinha. Já contra o sarampo, todas vão tomar a tríplice viral, injetável.


Para o Dia D da mobilização, no sábado (18), mais de 36 mil postos de saúde estarão abertos para receber a população. De acordo com o Ministério da Saúde, o objetivo da campanha é imunizar no mínimo 95% das 11,2 milhões de crianças da faixa etária da campanha, protegendo-as de doenças que já haviam sido eliminadas no Brasil. Dessa forma, é criada uma "barreira sanitária", e mesmo que os vírus entrem no País, não vão contaminar a população. Naqueles estados onde foram registrados surtos de sarampo, a vacinação foi antecipada e já ocorre desde o início do ano, como Roraima, Rondônia e Amazonas.

Em Cataguases a população pode procurar o Posto de saúde mais próximo de sua residência para se informar melhor.

Fonte: Ministério da Saúde

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases