Pular para o conteúdo principal
Unipac
Web Certificados
Drogaria Santa Rita DecolaNet RÁDIO BRILHO CATAGUASES - MG

Câmara de Dona Euzébia rejeita parecer do TCEMG e aprova contas de 2014 do ex-prefeito Mazinho

Decisão aconteceu após o ex-prefeito apresentar defesa em plenário. Nesta quinta-feira (2), os vereadores de Dona Euzébia rejeitaram o parecer do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) e aprovaram as contas do ex-prefeito da cidade, Itamar Ribeiro Toledo, o Mazinho, referente ao exercício de 2014. No dia 12 de agosto, os vereadores realizaram uma votação para analisar o parecer do TCE, mas a mesma foi anulada pelo próprio TCE, devido a falta de quórum e a ausência de defesa do ex-prefeito. Na ocasião, a Comissão de Finanças havia acompanhado o parecer do TCE, mas após o comparecimento de Mazinho, dentro do prazo regimental, os vereadores aceitaram os argumentos, fazendo com que a maioria dos membros da comissão mudassem o voto, deixando os demais edis à vontade para rejeitar o parecer por 6 votos a 3. Não é a primeira vez que a Câmara de Dona Euzébia rejeita um parecer do TCEMG.  O fato já ocorreu em outras duas oportunidades, quando os vereadores rejeitaram o parecer do

Jovem que não cumpriu medida sócio educativa em 2016 por tentativa de homicídio é detido em Cataguases

A Polícia Militar de Cataguases prendeu na tarde desta terça-feira (21), o quarto foragido da justiça em menos de 16 horas. 

Durante a averiguação de uma denúncia de tráfico de drogas na praça próxima a Escola Estadual Dr. Norberto, na Granjaria, foram procedidas várias buscas no local e embora nenhuma droga fosse encontrada, entre os abordados, um jovem de 18 anos foi reconhecido pelos policiais por ter participado de ato infracional análogo ao crime de homicídio tentado, ocorrido em 2016, quando este tinha 16 anos. Em consulta ao sistema, foi verificado a existência de Mandado de Internação para cumprimento de medida sócio educativa, conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente, expedido pelo MM Juiz da Vara da Infância e Juventude de Cataguases. 

Diante dos fatos, o jovem, mesmo sendo maior de idade, foi detido e apresentado ao juiz que determinou o seu acautelamento no presídio de Cataguases, em cela reservada, até a sua transferência para Unidade adequada para o cumprimento da medida. 

Participaram da ocorrência os sargentos Amaral, Sílvio, Cássio e cabo Ítalo.

Comentários

Anuncie Aqui Anuncie Aqui