Homem que trazia drogas para Cataguases em ônibus é preso pela PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Leopoldina, prendeu um homem de 30 anos que trazia drogas em sua mochila no ônibus da linha Rio de Janeiro - Cataguases, na manhã deste sábado (23). De acordo com informações repassadas pela PRF, a fiscalização ocorreu no KM 768 da BR-116 em Leopoldina por volta das 10h40. Após parar o ônibus, foi encontrado no bagageiro uma mochila com  80 gramas de maconha, 5 papelotes de cocaína e 2 compridos de ecstasy.  O autor informou que pegou os entorpecentes no Rio de Janeiro e os levaria para Cataguases.  A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil de Leopoldina.  

Seis partidos já definiram candidatos a presidência da rebública

Após mais uma rodada de convenções partidárias, foram homologados seis candidatos a presidente da República: Ciro Gomes (PDT), Guilherme Boulos (PSol), Jair Bolsonaro (PSL), José Maria Eymael (DC), Paulo Rabello de Castro (PSC) e Vera Lúcia (PSTU).

Desses, Boulos, Eymael e Vera Lúcia saíram das convenções nacionais com as chapas completas. Os outros três ainda não escolheram os candidatos a vice-presidente.

Os partidos têm até o próximo domingo (5) para realizar convenção nacional e decidir como vão se posicionar na corrida presidencial. Dezesseis partidos, entre eles MDB, PT, PSDB, Rede, DEM e PSB, vão se reunir na próxima semana, entre quarta-feira e domingo. O prazo para pedir registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) se encerra dia 15 de agosto.

PTB, PSD e SD, decidiram em convenção neste sábado (28), apoiar o candidato tucano Geraldo Alckmin, que ainda não foi confirmado na convenção.

O PV decidiu ontem em convenção que não terá candidato a presidente e avalia se aceita o convite do Rede Sustentabilidade para indicar o vice na chapa que deverá ser liderada por Marina Silva.

O PSDB se reunirá no próximo sábado (4), em Brasília.

Campanhas

A partir das convenções, os partidos podem adotar medidas práticas para desencadear a campanha eleitoral. Por exemplo, podem assinar contratos para instalação física e virtual dos comitês dos candidatos e dos partidos. Mas o pagamento de despesas só é permitido após a obtenção do CNPJ do candidato e a abertura de conta bancária específica para a movimentação financeira de campanha e emissão de recibos eleitorais.


O CNPJ é solicitado à Secretaria da Receita Federal depois da apresentação das candidaturas à Justiça Eleitoral. Emitido o CNPJ os partidos políticos e os candidatos devem enviar à Justiça Eleitoral, para divulgação na internet, os dados de arrecadação para financiamento da campanha eleitoral, observado o prazo de 72 horas após o recebimento dos recursos.


Fonte: EBC

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases