Adolescente apontado como autor de homicídio é ouvido pela Polícia Civil em Muriaé

O menor confessou ter torturado e jogado a vítima amarrada, ainda com vida, dentro do Rio Preto em Muriaé. Nesta terça-feira (13), a Polícia Civil conseguiu identificar e capturar um adolescente de 17 anos, morador do bairro União em Muriaé, apontado como responsável pela morte de outro adolescente, de mesma idade, no último domingo (11). A vítima, identificada como Dejair Fernandes Da Silva (foto abaixo), teve as mãos amarradas e foi jogada no Rio Preto . Dejair foi morto com requintes de crueldade Foto: Rede Social De acordo com as investigações realizadas pela Delegacia da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o autor é apontado como gerente do tráfico de drogas no bairro União. A motivação foi o roubo de um celular de uma moradora do bairro pela vítima. O adolescente, como líder do tráfico no local, resolveu fazer justiça com as próprias mãos, para servir de exemplo para todos. Ele contou que torturou a vítima com pauladas e que depois teria amarrado as mão

Homem é assassinado na Granjaria em Cataguases após discussão sobre compra de droga; PM agiu rápido e autor já está preso

A Polícia Militar prendeu um homem de 39 anos, suspeito de ter assassinado a facadas, Cassius Cleyton Rodrigues, 44 anos, na madrugada desta segunda-feira (9), em Cataguases.

Conforme a ocorrência, uma testemunha contou que por volta das 4 horas da madrugada, a vítima encontrou com o autor na Rua Eponina Peixoto Ribeiro, no bairro Granjaria. Segundo a testemunha, o autor teria dado, para a vítima, a quantia de R$ 20,00 para comprar crack e ambos consumirem. Quando Cassius retornou, o autor questionou a quantidade comprada e iniciou uma discussão, momento em que ambos entraram em luta corporal. Após ser golpeada na cabeça, a vítima caiu ao solo e ainda foi agredida com vários golpes de faca. Em seguida o autor fugiu.

O SAMU foi acionado mas quando chegou ao local já encontrou a vítima sem vida.  A Perícia Técnica da Polícia Civil também esteve no local e realizou os trabalhos periciais, liberando o corpo em seguida para uma funerária.

A PM realizou intenso rastreamento e conseguiu localizar o suspeito "F.A.S.B", escondido em um vestiário desativado do Colégio Cataguases. Questionado ele acabou confessando o crime. Ele recebeu voz de prisão em flagrante delito e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Plantão em Leopoldina para as demais providências.

Equipe policial: Sargentos Cassio e Ronaldo dos Santos; Cabos Renan e Anselmo.

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases