Energisa utiliza helicóptero para inspeções na rede elétrica e garante agilidade em 95% dos serviços

Foram investidos R$ 180 mil para inspecionar 580 km de linhas. O compromisso da Energisa é a excelência no fornecimento de energia elétrica, serviço essencial para toda a população. Por isso, a empresa está investindo cada vez mais em tecnologia e modernizando a rede elétrica. Para agilizar as inspeções na rede, a Energisa Minas Gerais conta com equipamentos modernos e um helicóptero para inspeções visuais e termográficas aéreas nas linhas, garantindo maior rapidez. Dentro do planejamento estratégico de investimento na rede, no mês de março, foram inspecionados aproximadamente 580 km de linhas de transmissão, que interligam as subestações da área de concessão da Energisa em Minas Gerais, um investimento de cerca de R$ 180 mil. Utilizando equipamentos de alta tecnologia, com uma câmera das mais avançadas do mercado, acoplada ao helicóptero, é possível identificar, desde o estágio inicial, os locais onde ações corretivas devem ser realizadas de forma programada. A câmera de

Centenas de pessoas fazem caminhada em Cataguases e Leopoldina em apoio a greve e contra a política do presidente Temer

Durante a caminhada manifestantes cantaram o Hino Nacional e gritaram palavras de ordem entre elas, "Fora Temer"

Cerca de 500 a 700 pessoas participaram da manifestação em Cataguases.
Foto: Rose Amaral / Facebook
Manifestantes realizaram caminhadas em Cataguases e Leopoldina na noite desta segunda-feira (28) em apoio a Greve dos Caminhoneiros, contra os aumentos de impostos e a corrupção. Durante a caminhada vários manifestantes gritavam palavras de ordem e contra o presidente Temer 

Em Cataguases cerca de 500 pessoas, segundo a polícia e 700 segundo os organizadores, se concentraram em frente ao Posto de Saúde do bairro Popular e caminharam até o local de bloqueio no bairro São Diniz.

Conforme explicou para nossa reportagem a jornalista Rose Amaral, o movimento nada tem haver com partidarismo ou presença política. "Saímos na rua para pedir um Brasil melhor para todos nós e mostrar a nossa insatisfação para com esse governo federal", disse. 

Segundo ela, meia dúzia de pessoas quis levar ideologia polícia e os manifestantes não deixaram.

Amanhã, quarta feira (30), uma nova manifestação está prevista para ocorrer à partir das 17 horas na Praça Chácara Dona Catarina. Os manifestantes pretendem fazer uma caminhada na região central da cidade.


Em Leopoldina, os manifestantes se concentraram na Praça Félix Martins e caminharam em direção à BR-116, próximo ao Posto da Polícia Rodoviária Federal, onde os caminhoneiros estão parados. Durante o percurso, os manifestantes cantaram o Hino Nacional, exibiram cartazes, faixas e bandeiras, e gritaram palavras de ordem, dentre elas o "Fora Temer". No ponto de concentração dos caminhoneiros, mais de uma centena de pessoas, entre grevistas, populares e simpatizantes do movimento, aguardavam a chegada da caminhada, que ocorreu pouco antes das 20h00.


Em Leopoldina centenas de pessoas caminharam até a BR-116.
Foto: O Vigilante Online




Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases