728x90 AdSpace

Magazine Luiza
  • Últimas

    Sicred Santa Rita Drogaria
    Curso de Barbeiro Promoção autos
    domingo, 22 de outubro de 2023

    Polo Audiovisual da Zona da Mata anuncia criação de estúdio-escola para animação

    Animaparque: Projeto inédito na América Latina promete transformar a região da Zona da Mata em um epicentro de formação, produção e criação para o setor de animação no Brasil



    No dia 30 de novembro, a cidade de Cataguases se prepara para dar as boas-vindas ao Animaparque, que será oficialmente inaugurado. um inovador estúdio-escola voltado para atender as crescentes demandas do mercado audiovisual, com foco especial no segmento de animação. A iniciativa promete transformar a região da Zona da Mata em um epicentro de formação, produção e criação para o setor de animação no Brasil, marcando um feito inédito na América Latina.

    Cesar Piva, diretor-presidente da Agência de Desenvolvimento do Polo Audiovisual da Zona da Mata, compartilhou sua visão sobre o projeto ambicioso. Ele explicou que a missão para os próximos dez anos é clara: "Transformar a região em um centro de formação, produção e criação para o setor de animação no Brasil, consolidando uma iniciativa inédita na América Latina."

    O projeto do Animaparque começou a ser elaborado em 2011 e passou por um meticuloso planejamento que culminou em 2022 com a criação da primeira turma do curso de graduação em Tecnologia em Cinema e Animação. Essa conquista é resultado de uma parceria estratégica entre a Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), o Instituto Fábrica do Futuro, a Fundação Cultural Ormeu Junqueira Botelho (FCOJB) do Grupo Energisa e a Apolo. O sucesso da iniciativa foi tamanho que a terceira turma do curso já está em preparação.

    O curso é notável por ser o primeiro de graduação universitária com formato tecnólogo de Cinema e Animação. A primeira turma contou com 30 alunos, incluindo 17 estudantes de cidades fora da Zona da Mata, como Salvador, Brasília, Palmas, São Paulo e Belo Horizonte. Esses jovens estão trazendo seus talentos e paixão pela animação para Cataguases. A segunda turma seguiu a mesma tendência e a cidade se prepara para inaugurar o Animaparque com um impressionante total de 90 estudantes dedicados à animação.

    Cesar Piva ressaltou que o Animaparque não é apenas um projeto futuro, mas uma realidade em constante evolução. Profissionais altamente qualificados já estão produzindo longas-metragens, curtas e séries de animação. Entre os projetos em andamento, destacam-se o longa de ficção "A Casa do Elefante", dirigido por Marcus Villar (PB) com produção da Acapulco Filmes (RO), o longa de animação "Ana, en passant", dirigido por Fernanda Salgado (MG) com produção da Apiário (MG), e a série de animação "Cosmo, o cosmonauta", dirigida por Guilherme Azenha Fiuza (MG) e produzida pela ImaginniStudios (MG). Além disso, o documentário "Ary", dirigido por André Weller (RJ) e produzido pela Dromedário (MG), encontra-se em fase de finalização.

    O Animaparque surge como uma iniciativa que promete revolucionar a indústria de animação no Brasil, ao mesmo tempo em que coloca Cataguases no mapa como um polo de excelência para formação e produção nessa área. Com a inauguração próxima, a cidade está pronta para se tornar um ponto de referência para os entusiastas da animação e uma fonte de oportunidades para talentos em ascensão.



     
    • Comente no Site
    • Comente no Facebook

    0 comments:

    Postar um comentário

    Item Reviewed: Polo Audiovisual da Zona da Mata anuncia criação de estúdio-escola para animação Rating: 5 Reviewed By: Mídia Mineira
    Voltar para o Início