Notícia

Duas pessoas ficam feridas em acidente na MG-285 entre Cataguases e Dona Euzébia

Duas pessoas ficaram feridas, na noite deste domingo (27), em um acidente na MG-285, rodovia que liga Cataguases a Dona Euzébia próximo a chamada "curva da ferradura" na descida para Barão de Camargos.
Segundo informações obtidas com exclusividade pelo Site Mídia Mineira, um automóvel Fiat Uno Mille, placas de Astolfo Dutra, que seguia em direção a Cataguases, chocou-se com um GM Kadett, placas de Juiz de Fora, que seguia em sentido contrário.
Os dois condutores foram atendidos por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), com ferimentos leves.
Fotos exclusivas do Site Mídia Mineira
Drogaria Santa Rita
Banner cadastramento cartão SUS
   

Vem aí o 7º Festival Ver e Fazer Filmes: 19 A 22 de novembro

Realizado anualmente na cidade de Cataguases, o Festival Ver e Fazer Filmes, chega à sua sétima edição com motivos para celebrar.

O evento promove mostras de filmes com temática diferenciada para crianças, jovens e o público em geral; exibe pela primeira vez o filme “Maria do Caritó” realizado no Polo Audiovisual da Zona da Mata de Minas Gerais e já sucesso nos cinemas nacionais; revela o talento de realizadores locais com exibição e premiação de seus curtas-metragens; anuncia o resultado do Edital Coinvestimentos Regionais, que irá potencializar a produção audiovisual na região mineira; e promove dois fóruns temáticos envolvendo escolas e agentes públicos.


Ver Filmes: mostra Cine Escola Animada

Na etapa Ver, com a realização da Mostra Infantil E Juvenil o evento alcançará a participação de mais de 800 estudantes de escolas de Cataguases, sendo 500 crianças do Ensino Fundamental e 250 jovens do Ensino Médio.

Eles irão escolher os melhores filmes das duas mostras, entre 15 obras de ficção, animação e documentários, selecionadas por curadoria especializada entre as produções nacionais mais recentes. Cerca de 40 professores participam também das mostras. A exibição dos filmes é seguida de debates, mediados por profissionais da Educação e do Audiovisual.


Fazer Filmes: mostra Usina Criativa De Cinema

A etapa Fazer promove a Mostra Usina Criativa De Cinema, onde serão exibidos pela primeira vez os curtas-metragens realizados por novos talentos da Região, selecionados por meio de uma chamada pública realizada no início de 2019. O evento, com premiação dos filmes em diversas categorias, marca o encerramento do Festival, sendo uma das ações mais concorridas da programação.

Em sua 4ª edição, o Edital Usina Criativa De Cinema é uma inciativa de qualificação profissional dirigida a realizadores audiovisuais locais. A cada ano são selecionados 04 projetos de produção de curtas-metragens inéditos e originais que recebem – cada um – R$30 mil pra sua realização, além de consultorias em diversas áreas técnicas do audiovisual. Cada equipe mobiliza mais de 50 profissionais locais em sua produção, expandindo a ação de formação para produtores, técnicos, artistas e assistentes de diversas áreas.

Em 2019, a chamada criativa teve 21 inscritos de 10 cidades da Zona da Mata mineira. Após análise da Comissão de Seleção, foram selecionados os projetos: “Até Aonde a Vista Alcança”, diretor Jader Barreto Lima da Silva, de Visconde do Rio Branco; “Banzo”, diretora Monique Rangel, de Leopoldina; “Luiz vai buscar pão” (ou A invenção do Panetone), diretora Bruna Schelb Correa, de Cataguases; “tear”, diretora Mariela Oliveira, de Cataguases.

Como prevê o edital, um quinto curta-metragem foi produzido por um Diretor(a) Convidado(a), missão que coube à diretora e roteirista mineira Clarissa Ramalho, com a filmagem de “A Forma do Vazio”, um documentário sobre o processo de criação e produção do longa “Natureza Morta”, realizado também por Clarissa, na Zona da Mata mineira.


Destaque 2019: “Maria do Caritó” terá exibição em Cataguases e Piacatuba

Destaque na programação, o filme “Maria do Caritó”, uma comédia dirigida por João Paulo Jabur e protagonizada pela atriz Lilia Cabral, terá duas sessões especiais, abertas ao público, em Cataguases e em Piacatuba, distrito de Leopoldina.

Recém-lançado nos cinemas nacionais (31 de outubro), o filme foi produzido com o apoio do Polo Audiovisual da Zona da Mata, com locações em Sinimbu e Glória, distritos de Cataguases, e em Piacatuba, distrito de Leopoldina, onde contou com a participação de um grande número de figurantes locais. Cerca de 40 profissionais da região, entre técnicos, produtores e artistas, foram contratados por uma coprodução das empresas Eh! Filmes (RJ) e Camisa Listrada BH (MG), que se juntou a equipe técnica e artística do Rio de Janeiro e Belo Horizonte na produção do filme.

Polo Audiovisual da Zona Da Mata: uma potência na regionalização da produção audiovisual nacional

O Festival será palco para o anúncio do resultado final do Edital Coinvestimentos Regionais, uma iniciativa da Agência Nacional do Cinema – ANCINE em parceria com a Agência de Desenvolvimento do Polo Audiovisual da Zona da Mata MG.

Com 83 projetos habilitados o Edital irá disponibilizar R$ 8.750.000,0 do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA-ANCINE) para produções em diversos segmentos do audiovisual.

A Chamada Pública tem a parceria da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo da Prefeitura de Cataguases, com a contrapartida local através do patrocínio da Energisa Minas Gerais, por meio da Lei de Incentivo à Cultura da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo do Governo de Minas Gerais.


Fórum Diver-Cidades Criativas

Ainda na programação, o Fórum reunirá dois momentos. No primeiro, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Cataguases, o tema será “Escola Criativa: o Audiovisual na Educação”, com participação de estudantes e professores de escolas e universidades de Cataguases. O segundo terá o tema: “Cultura Empreendedora” envolvendo a parceria com o Conselho de Desenvolvimento de Cataguases – CODEC e o SEBRAE MG.


Realização:

O 7º Festival é uma realização do Instituto Cidade de Cataguases em parceria com o Instituto Fábrica do Futuro, Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho e a Agência de Desenvolvimento do Polo Audiovisual da Zona da Mata de Minas Gerais, com o patrocínio da ENERGISA através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura da Secretaria de Estado da Cultura de Minas Gerais. O evento conta também com o apoio do Sebrae e da Prefeitura Municipal de Cataguases através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e da Secretaria Municipal de Educação de Cataguases.

Veja programação completa clicando aqui.

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases