Ação conjunta prende suspeito e apreende droga em Juiz de Fora

Autor estava com a filha de 11 anos e responderá também por corrupção de menor Nesta terça-feira (19/1), uma ação conjunta entre a Polícia Civil de Minas Gerais e a Polícia Rodoviária Federal resultou na apreensão de 19 tabletes de pasta base de cocaína, droga avaliada em cerca de R$2,5 milhões, e de R$30 mil, no município de Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. Um suspeito foi preso. Em novembro do último ano, outra operação integrada entre as duas instituições culminou na apreensão de drogas avaliadas em R$3 milhões. O material foi encontrado no interior de um veículo que estava em um posto de combustíveis, na Zona Norte da cidade. Além disso, o motorista, de 39 anos, foi preso em flagrante. No momento da abordagem realizada por policiais civis da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e policiais da PRF, o homem estava com a filha dele, de 11 anos, que, posteriormente, foi entregue a um familiar responsável. O suspeito foi encaminhado ao Plantão da 1ª Delegacia Regional em

Vacinação Antirrábica de cães e gatos começa neste sábado em Cataguases

Começa no sábado, dia 8, a Campanha de Vacinação Antirrábica Animal na área urbana. A ação vai se desenvolver em mais três etapas, nos dias 15 e 22 deste mês, e no dia 6 de julho. Para isso, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Coordenadoria de Epidemiologia em Saúde e o Núcleo de Controle de Endemias, estabeleceram diferentes pontos de vacinação, no horário de 8h às 16 horas. Na última quinta-feira, o médico veterinário da prefeitura, Eduardo Siqueira, ministrou um treinamento para os agentes de saúde que vão atuar na campanha. A expectativa é de imunizar cerca de 10 mil animais.

De acordo com a coordenadora de Vigilância em Saúde, Amanda de Souza Penha, a importância da vacina contra a raiva se dá pelo fácil risco de contágio, principalmente para animais que vivem em áreas habitadas por animais silvestres, ou aqueles que viajam para áreas de risco como sítios e fazendas, ou qualquer outra situação que deixe o animal vulnerável. Ela também lembra que a raiva é uma zoonose, quer dizer, pode ser transmitida
de animais para humanos. Por isso, manter o animal de estimação vacinado é uma questão de segurança para ele e para todos que com ele convivem.

O cronograma de vacinação antirrábica na área rural também está sendo elaborado pelos setores de Vigilância em Saúde e o de Controle de Endemias, e será divulgado nos próximos dias. 

Confira os postos de vacinação na área urbana:


(Clique na imagem para ampliar)




Fonte: Jornal Cataguases

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases