Polícia Civil incinera cerca de 2 toneladas de drogas em Juiz de Fora

O material foi apreendido em ações realizadas pelas forças de segurança na área que compreende a 1ª Delegacia Regional em Juiz de Fora Nesta quinta-feira (4/3), a Polícia Civil de Minas Gerais incinerou cerca de 2 toneladas de drogas, tais como maconha e outras substâncias, em uma empresa situada na Zona Norte do município de Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira.  O material foi apreendido em ações da PCMG e de outras instituições de segurança pública, realizadas na área que compreende a 1ª Delegacia Regional em Juiz de Fora, unidade que pertence ao 4º Departamento de Polícia Civil.  Além do titular da Delegacia de Combate ao Narcotráfico, delegado Rafael Gomes,  também acompanharam os trabalhos de incineração representantes do Ministério Público, do Judiciário e da Vigilância Sanitária. Fonte: Polícia Civil de Minas Gerais

Associação dos Ostomizados de Cataguases celebra fundação oficial

Autoridades municipais e pessoas que passaram pelo procedimento de ostomia comemoraram juntos na tarde de quarta-feira (16), a fundação oficial da Associação dos Ostomizados de Cataguases e microrregião (AOCAT). O encontro foi na Policlínica Municipal e contou com a presença do Prefeito Willian, do vice, Tita Lima e dos vereadores Henrique Thurram e Rafael Moreira. Já os vereadores Michelangelo Correa e Gilmar Canjica enviaram seus assessores.

O encontro também marcou o descerramento da placa do local onde está funcionando a sede da AOCAT, que atende 55 ostomizados da microrregião. A sala 9 da Policlínica Municipal foi cedida pela Prefeitura à associação para seu funcionamento. O espaço oferece atendimento ao público entre segunda e sexta-feira, de 8h às 12h. A visita deve ser agendada previamente e presencialmente no ambulatório de ostomia, localizado na própria Policlínica.

O presidente da AOCAT, Aloisio Falcone, disse que um passo importante foi dado em busca da representatividade para as pessoas que passaram pelo procedimento de ostomia. “Com a oficialização da associação nós temos condições de arrecadar fundos para que possamos ajudar as pessoas de uma forma mais direta. Tanto a Prefeitura como a Câmara dos Vereadores nos ajudaram muito até aqui. Lembro que conseguimos por unanimidade no legislativo municipal o título  de utilidade pública e agora vamos em busca do nosso reconhecimento nos âmbitos estadual e federal para que possamos fazer mais pelo nosso grupo”, disse.

O Prefeito Willian se disse feliz com este momento classificado por ele como histórico e aproveitou para lembrar que a associação de Cataguases é a quarta do estado. “Agradeço a todos pela contribuição para a oficialização da associação. Precisamos de pessoas assim, que lutam por esta causa com amor e em parceria. Temos que trabalhar desta forma pelas melhorias do nosso município. Contem comigo no que for preciso. Ajudando este grupo, estaremos contribuindo com a nossa cidade.”, disse.


O vereador Rafael Moreira também valorizou a oficialização da Associação. “Como membro da Associação dos Pacientes Renais, eu sei da importância deste momento. Esta união auxilia muito na busca por apoio e pelos direitos dos associados. Este é um momento único”, afirmou. A chapa que representa a AOCAT conta com a seguinte composição: Aloísio Falcone (presidente), João Francisco Cesário (vice), Maria Irecê de Oliveira (1ª secretária), Maria José Pereira Vieira (2ª secretária,) Sebastião Soares de Paula (1º tesoureiro), Angelo Ferrari de Oliveira (2º tesoureiro) e Maria Regina Fiebig (coordenadora geral).

Fonte: Prefeitura de Cataguases

Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases