Adolescente apontado como autor de homicídio é ouvido pela Polícia Civil em Muriaé

O menor confessou ter torturado e jogado a vítima amarrada, ainda com vida, dentro do Rio Preto em Muriaé. Nesta terça-feira (13), a Polícia Civil conseguiu identificar e capturar um adolescente de 17 anos, morador do bairro União em Muriaé, apontado como responsável pela morte de outro adolescente, de mesma idade, no último domingo (11). A vítima, identificada como Dejair Fernandes Da Silva (foto abaixo), teve as mãos amarradas e foi jogada no Rio Preto . Dejair foi morto com requintes de crueldade Foto: Rede Social De acordo com as investigações realizadas pela Delegacia da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o autor é apontado como gerente do tráfico de drogas no bairro União. A motivação foi o roubo de um celular de uma moradora do bairro pela vítima. O adolescente, como líder do tráfico no local, resolveu fazer justiça com as próprias mãos, para servir de exemplo para todos. Ele contou que torturou a vítima com pauladas e que depois teria amarrado as mão

Em coletiva Prefeito Willian diz que não está inelegível e desmente boatos maldosos

O prefeito de Cataguases, Willian Lobo de Almeida, convocou a imprensa para uma entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (27), onde falou sobre o não acolhimento de seu recurso ao TJMG em segunda instância e também sobre várias ações de seu governo. A reunião também contou com secretários municipais, vereadores e vários servidores da Prefeitura de Cataguases.

Willian lembrou que o processo que corre contra sua pessoa é cível e devido ao não cumprimento de um item de um Termo de Ajuste de Conduta - TAC, assinado em seu primeiro mandato devido ação civil pública que iniciou no governo de Tarcísio Henriques. Com a ajuda do Procurador Geral do Município, Dr. Yegros Martins Malta e outros advogados presentes, o prefeito explicou que quando assinou o TAC com o Ministério Público, foram acordados 10 itens e que 9 itens foram cumpridos, exceto a realização do concurso público por não ter tido tempo suficiente. Ele também lembrou que o prefeito que o sucedeu ainda precisou de 2 anos para conseguir cumprir o TAC.

Outro ponto levantado por Willian foi que o juiz de primeira instância reconheceu não ter havido dolo ou dano ao erário e que se os desembargadores continuarem com o mesmo entendimento, não há que se falar em inelegibilidade pois a Lei da Ficha Limpa só considera inelegível casos de improbidade administrativa quando existe dolo ou dano ao erário.

O prefeito também lamentou as mentiras divulgadas em redes sociais onde diziam que ele perderia seu mandato, que poderia ser preso e que o vice-prefeito Tita Lima iria assumir neste sábado.

Por fim, Willian afirmou que irá recorrer da decisão pois ainda existem os embargos e mais duas instâncias.

Ações

O prefeito também aproveitou a reunião para elencar diversas ações que serão realizadas pela Prefeitura de Cataguases nos próximos dias conforme a seguir:

  • Diversas licitações, uma para aquisição da fábrica de asfalto que está prevista para o dia 09 de maio, outra para pavimentação do Bairro Jardim em bloquetes prevista para o dia 14 de maio e para a reforma e ampliação do Mercado do Produtor;
  • Realização de cirurgias de hérnia e vesícula;
  • Processo seletivo para contratação de servidores;
  • Construção de 14 casas na região rural, pelo Programa Minha Casa, Minha Vida Rural e
  • Patrolamento de estradas rurais entre outras coisas.


Comentários

Banner cadastramento cartão SUS Campanha Mídia Mineira para o uso de máscaras DJ Fábio Dias Cataguases