Pular para o conteúdo principal
Web Certificados
Drogaria Santa Rita DecolaNet RÁDIO BRILHO CATAGUASES - MG

PCMG realiza operação “Cataclisma” em Muriaé

Ação foi realizada no município da Zona da Mata mineira para combater o tráfico. Um suspeito foi preso e drogas foram apreendidas A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) deflagrou, nesta quinta-feira (13/1), a operação “Cataclisma”, visando combater o tráfico de drogas no município de Muriaé, na Zona da Mata mineira. Na ocasião, durante cumprimento de mandado de busca e apreensão no Bairro Padre Tiago, um suspeito de 29 anos foi preso.  Além disso, também foram apreendidos, aproximadamente, dois quilos de maconha, 41 papelotes de cocaína, R$ 112 e uma balança de precisão. Conforme informações do delegado Glaydson Souza, levantamentos da PCMG apontaram que o investigado realizava a mercancia ilícita de entorpecentes na residência dele, onde foram localizados os materiais.  O rapaz foi preso em flagrante por tráfico e conduzido até a unidade policial.  Operação “Cataclisma” De acordo com o delegado, o nome da operação faz alusão à dificuldade de acesso ao imóvel do suspeito, já que no loc

Ação é deflagrada em Muriaé e apreende grande quantidade de cocaína

A ação contou, inclusive, com a atuação de um cão farejador

Divulgação/PCMG

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) deflagrou, na segunda-feira (10/1), no município de Muriaé, na Zona da Mata mineira, a operação “DEJA VU”, visando combater o tráfico de drogas, após levantamentos. Na ocasião, a Delegacia de Repressão a Entorpecente (DRE), com apoio da Agência de Inteligência Policial (AIP) da 4ª Delegacia Regional em Muriaé, apreendeu mais de 18 quilos de pasta base de cocaína, 226 papelotes da mesma substância, R$ 2.250 e outros materiais. Um suspeito, de 25 anos, foi preso.
Na ação, que contou, inclusive, com a atuação de um cão farejador, os policiais civis localizaram em uma propriedade rural, situada no Bairro Sofocó, um grande recipiente plástico enterrado no local, comumente utilizado para armazenagem de leite, onde a maior parte da droga estava escondida. O rapaz foi preso em flagrante pela prática de tráfico de drogas e, com o investigado, também foi localizado o dinheiro. Na residência dele, uma barra grande de cocaína, com as mesmas características daquela encontrada no tambor enterrado, também foi apreendida. A droga apreendida na operação está avaliada em mais de R$ 800 mil, pelas estimativas dos investigadores.

De acordo com o delegado Tayrony Espíndola, o resultado é fruto do monitoramento permanente de grupos suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas na cidade. “Tem sido uma tônica da Delegacia de Repressão a Entorpecente e Agência de Inteligência Policial monitorar, de forma constante, a movimentação de grandes traficantes na cidade, que atuam no atacado, abastecendo e alimentando o mercado de entorpecentes. Acreditamos que a ação de hoje enfraquece muito um grupo criminoso com atuação no município, que possui ramificações no Rio de Janeiro”, conclui.

Fonte: ASCOM-PCMG 

Comentários

Anuncie Aqui Anuncie Aqui